Homem vende canetas para sobreviver. Mas um estranho tira uma foto da sua filha e acontece isso

Abdul Halim al-Attar é um refugiado sírio que foi flagrado vendendo canetas pelas ruas de Beirute, no Líbano.

Após fugir dos conflitos do seu país, Abdul estabeleceu-se na cidade e começou a vender canetas para sobreviver junto a sua família.


Recentemente, um estranho acabou fazendo uma foto de Abdul carregando sua filha nas costas, a Reem. Enquanto carregava sua filha, Abdul tentava convencer as pessoas a comprar as canetas.




A foto tornou-se viral e tocou o coração de milhares de pessoas ao redor do mundo.

Felizmente, uma campanha online conseguiu arrecadar fundos para Abdul e sua família no total de $200,000!!!!

Abdul investiu sabiamente o dinheiro que recebeu em diversas lojas no Líbano. Além disso, contratou outros refugiados sírios para trabalharem nas suas lojas. Parte do dinheiro também foi destinado a ajudar amigos e parentes em crise na Síria.


"O dinheiro não salvou apenas a mim, mas mudou a vida da minha família e das pessoas na Síria que eu ajudei", disse Abdul.

Comentários

  1. Conseguiram ver um estrangeiro mas não veem todos os outros que sempre estiveram aqui bem perto de vc desde sempre...nem sei o que dizer.

    ResponderEliminar

Publicar um comentário